Lena Lustosa
"Escrevo por que não me basto..." Lena Lustosa
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


O pneu furado


Patrícia era uma típica "patricinha" sempre arrumada e metida a besta!  Certa tarde, enquanto dirigia por uma rua um pouco deserta, na zona sul de Teresina, seu carro furou o pneu. O sol estava amistoso, em torno de uns 40 graus na sombra, mas não tinha nenhuma por perto. Depois de uma longa espera, apareceu um garoto de uns 14 anos, montado numa "bike". Quando o viu foi logo perguntando:

- Garoto, quanto você quer pra trocar este pneu?

- R$ 50 reais. Disse o garoto.

-Você é louco? É um absurdo esse valor. Sua mãe não te ensinou que  não se deve explorar as pessoas com dificuldades?

- Dona, a senhora me perguntou quanto eu queria, então eu disse. Se me perguntasse se eu podia trocar o pneu, eu trocaria de graça, pois minha mãe me ensinou a ajudar as pessoas! Eu parei porque vi que a senhora precisava de ajuda. Mas, mudei de ideia, pois minha mãe também me ensinou a não falar com estranhos. Até mais dona.






Nota da autora: Da minha série de contos  "Para o meu filho gostar de ler"
Lena Lustosa
Enviado por Lena Lustosa em 27/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários